terça-feira, 19 de janeiro de 2016

ECONOMIA: FMI PIORA PROJEÇÕES PARA O BRASIL E DEIXA DE VER CRESCIMENTO EM 2017


Reuters.


O Fundo Monetário Internacional (FMI) piorou a perspectiva de contração da atividade econômica brasileira em 2016 e não vê mais retomada do crescimento em 2017, o que vai pesar sobre a economia mundial como um todo.

O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil deve sofrer retração de 3,5% este ano, ante projeção de contração de 1% feita em outubro. Isso depois de ter encolhido 3,8% em 2015, em estimativa também revisada para baixo de queda de 3% antes, segundo atualização do relatório "Perspectiva Econômica Global" divulgada nesta terça-feira (19).

Já em 2017, o FMI aponta que o Brasil deve registrar estagnação econômica, deixando de ver expansão de 2,3% como antes.


Fachada da sede do FMI em Washington (Foto: Reuters)Fachada da sede do FMI em Washington (Foto: Reuters)















A entidade cita em relação ao país "a recessão causada pela incerteza política e contínuas repercussões da investigação na Petrobras", o que está sendo mais profundo e prolongado do que se esperava.

Com isso, o desempenho da economia brasileira fica bem aquém da região de América Latina e Caribe como um todo, cujas expectativas são de recuo de 0,3% do PIB em 2016 e crescimento de 1,6% no ano seguinte.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

DOCUMENTO DE VEÍCULOS TERÁ VERSÃO DIGITAL ATÉ O FINAL DE 2018

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou nesta quarta-feira (13) resolução que cria uma versão digital do Certificado de Reg...