terça-feira, 6 de outubro de 2015

Soldado da PM é preso por assalto a agência bancária no interior da Bahia




Um soldado da Polícia Militar foi preso por envolvimento em um assalto a uma agência bancária na cidade de Formosa do Rio Preto, ocorrido no último dia 2 de setembro. Jair Soares da Silva, 37 anos, teve o mandado de prisão cumprido na sexta-feira (3), quando se apresentou no Batalhão da Polícia Militar de Barreiras.

De acordo com investigações da Coordenação de Roubos a Banco do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), os integrantes do bando se dividiam em três frentes de atuação: parte ficava responsável pelos veículos utilizados nos assaltos e fuga, outra efetuava os roubos e a terceira cuidava do levantamento das informações sobre a rotina e policiamento na cidade escolhida como alvo, que neste caso era feito por Jair.





Fotos de suspeitos de participar de assalto (Foto: Divulgação/Polícia Civil)



Além do policial militar, já estão presos André Luiz da Silva Menezes Coelho, o “Bibi”, 24, e Ernesto Soares da Silva Junior, 29, capturados pela polícia do Piauí, logo depois do assalto a uma agência dos Correios, naquele estado. Rafael Vieira da Silva, 26 anos, preso, na terça-feira (29), na cidade de Baianópolis, Ricardo da Cunha Batista, 36, capturado na quarta-feira (30), em Val Paraíso, no estado de Goiás, e Venâncio Aires da Guarda Neto, 20, localizado no município de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia.


Todos os integrantes da quadrilha estão com as prisões decretadas pela Justiça e os presos já foram indiciados por roubo qualificado e formação de quadrilha. A polícia agora busca localizar os outros integrantes do bando, identificados como Carlos Souza Pimentel Bertão, o “Carlos CSI” ou “Carlos Bertão”, 29, Jorge dos Santos Santiago, o “Laranjinha”, 27, Maciel Teixeira Benedito, 28, Ícaro Pereira de Lima, 21, e José Carlos dos Santos.

Assalto à agência
No dia 2 de setembro, dois homens encapuzados invadiram uma agência bancária na cidade de Formosa do Rio Preto, distante 950 quilômetros de Salvador, e depois de render cerca de 10 pessoas, entre funcionários e clientes, subtraíram cerca de R$ 300 mil, fugindo, em seguida, num veículo Gol, de cor prata.


Equipes do Draco e da 11ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), de Barreiras, iniciaram perseguição, identificaram os integrantes do bando e cumpriram os mandados. O Gol foi encontrado queimado, numa estrada naquela região, algumas horas depois. As polícias Civis de Goiás e do Piauí deram apoio nas ações que resultaram nas prisões de parte da quadrilha. A operação no oeste da Bahia contou com o apoio do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer).


Fonte: (Correio24horas)




Nenhum comentário:

Postar um comentário

PEDIATRA, ESTUDANTE DE ENGENHARIA E FILHO DE JUIZ SÃO PRESOS EM OPERAÇÃO CONTRA PEDOFILIA

Em Salvador, a Polícia Civil cumpriu nove mandados de prisão; os suspeitos passarão por audiência de custódia (Foto: Divulgação/Polí...