sábado, 31 de outubro de 2015

Briga entre casal de PMs termina em tragédia em Salvador


Fonte: Correio24horas.

Os soldados PM Ana Gleides e Maurício
(Foto: Reprodução)


Uma briga entre um casal de soldados da Polícia Militar terminou em tragédia na manhã desta sexta-feira (30). Os PMs Ana Gleides Santos de Sousa, 44 anos, e Maurício Cruz de Souza, 43, eram casados e moravam no bairro de Mussurunga. De acordo com informações da 49ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/São Cristóvão), o caso aconteceu por volta das 7h30, dentro de uma casa caminho 51, setor L, em Mussurunga II. 

Ainda segundo a companhia, os policiais haviam terminado o relacionamento recentemente, mas o fato ainda era motivo de briga entre os dois. Após a separação, segundo os vizinhos, ele passou a morar no térreo e ela, no 1º andar.

A polícia acredita que Maurício tenha matado a tiros a ex-companheira e se suicidado em seguida. Vizinhos relatam que ouviram quatro tiros em sequência e depois mais um. Em toda a casa, só foi encontrada uma pistola calibre .40. 

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) informou que o corpo de Ana Gleides foi encontrado na porta do quarto da casa em que ela morava, atingido por, provavelmente, cinco tiros. Segundo o perito Jair Gomes, o corpo apresenta três ou quatro perfurações na cabeça, duas nas costas, uma no queixo, uma no ouvido e outra no antebraço - a quantidade de perfurações é maior do que a de tiros porque as balas provocam lesões de entrada e saída. O DPT informou que não havia sinais de briga no apartamento. 

Em nota, a Polícia Militar lamentou a morte dos soldados. De acordo com o Departamento de Comunicação da PM, Ana Gleides atuava no Instituto de Ensino e Pesquisa (IEP) e Maurício era lotado no Batalhão de Polícia de Guardas.

Os corpos dos dois policiais serão sepultados neste sábado (31). O de Ana Gleides, às 16h, no cemitério Campo Santo, na Federação. O de Maurício, às 15h, no Cemitério Bosque da Paz, em Brotas.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

MARIDO MATA MULHER, ESCONDE CORPO E PEDE DESCULPA EM CARTA

Correio24horas O caseiro Orlando de Jesus, 53 anos, teve prisão temporária decretada nesta sexta-feira (20) acusado de matar a ...